22 de dezembro de 2012

A Montanha Russa Emocional


Montanha Russa Emocional.

Uma coisa que consome muita energia, muito tempo e muita motivação é a famosa Montanha Russa Emocional.

É isso mesmo, imagine uma montanha russa...

A Subida é quando você enxerga um objetivo. 
É quando você se enche de motivação, de energia e ânimo para busca-lo. 
Você está no alto. Se sentindo poderoso e capaz.

Contudo, em outro momento, você está desmotivado, triste, cansado, sem saber como alcança-lo... e pronto! Você está no fundo.

Mas então, passam-se alguns dias e você percebe que precisa ir atrás dos seus objetivos e se motiva, percebe que aonde você está não é o que você quer, busca forças, energia e MOTIVAÇAO! E voilá... você está novamente no ALTO!

Mas... Sabe como é. No dia seguinte você encontra um cliente mais difícil, ou só aparecem tarefas chatas no seu trabalho, ou então você encontrou alguma outra coisa que te desanimou... e, novamente, lá está você no fundo.


Você já entendeu o que é a montanha russa emocional.
Agora, será que você percebe o quanto ela te prejudica?

Isto é físico. 
Um exemplo;
Se você ligar o carro, andar 1km e desligar, e fizer isso até ter andado 200km pode ter certeza que seu consumo de energia, o tempo de viagem, e o DESGASTE do carro serão muito maiores do que se você ligasse, andasse os 200km e ponto. Isso é válido para tudo, até mesmo a simples lâmpada que ilumina o seu quarto neste exato momento.

SOMOS ASSIM TAMBÉM. Nos desgastamos, desperdiçamos energia, perdemos performance, e realizamos muito menos do que poderíamos...


SE Você vive na montanha russa emocional. PARE! Já!
Você não apenas não está progredindo como também está se desgastando em Excesso.

Vamos para a parte prática:
1 – Analise os momentos que você está na Montanha Russa Emocional, ou seja, quais os temas que você costuma ter este tipo de comportamento. Quais objetivos que você vem perseguindo a tempo mas sabe que nunca se empenhou de fato, por tempo suficiente, para fazê-los acontecer?

2 –Defina aonde estão os conflitos. Por exemplo, quero perder peso. Começo a academia, faço por um mês intensamente, mas no segundo mês sempre acontece alguma coisa e eu paro. Começo um curso de línguas mas no segundo mês já começo a faltar nas aulas e me desanimar porque não tenho mais acompanhado.
*Agora que você já tomou consciência de que está se sabotando, e sabe os pontos.

3 – Defina prioridades. Eu quero fazer a academia de forma constante, mesmo se aparecer outro curso interessante no mesmo horário, minha agenda está BLOQUEADA, “MEU OBJETIVO É SAGRADO, e eu defenderei ele de todas as possíveis ameaças, INCLUSIVE AS MINHAS PRÓPRIAS.”

4 – Escolha um e ponha toda sua atenção nele. Dedique-se. Comprometa-se por 1 mês, 3 meses, 6 meses, 1 ano, dependendo de qual for a atividade. E vá até o final.
Só desta maneira há uma transformação real em você! E acredite, é realmente transformador.

Ao tomar consciência, você sairá da montanha russa emocional com este objetivo.
Uma vez fora da montanha russa, é fácil perceber os gargalos e trabalhar de maneira a alcançar qualquer objetivo.

Evitando desperdício e desgaste pessoal sobrará MUITO MAIS ENERGIA para você alcançar o que quiser.

Uma vez que você conseguiu cumprir o que se prometeu, isso gera uma programação de reforço positivo, tornando a segunda vez ainda mais fácil, e assim, o processo de transformação é inevitável.

Quero que você mantenha-se sempre no alto. 
No máximo que você pode oferecer. 
Assim, e apenas assim, você causará um impacto positivo nas pessoas e no meio ao seu redor.


Montanha Russa só é legal quando estamos no parque de diversões!
Dentro de nós, queremos uma estrada plana, reta, bem pavimentada e sinalizada em direção aos nossos sonhos!


Um abraço, ótimo final de semana.


MM